Quinta-feira, 22 de Julho de 2004

DEVOLVE-ME TUDO, AMOR!

rosaele.jpg


Devolve-me amor se puderes,
Devolve-me todo aquele amor que te dei.
Devolve-me toda a felicidade que ganhei e perdi.
Devolve-me, se puderes, toda a tranquilidade que contigo vivi.
Devolve-me tudo amor!
Devolve-me os sonhos loucos que construímos.
Devolve-me os sonhos lindos que juntos vivemos.
Devolve-me o amor imenso que partilhamos,
Devolve-me aquele abraço apertado, amor!
Devolve-me as ilusões que criei, as mágoas que afaguei.
Devolve-me tudo amor,
Que eu te devolverei este amor imenso que tenho por ti,
E a saudade que ainda arde no meu peito!

Madeline
publicado por linade às 16:06
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 20 de Julho de 2004

NÓS E ELES... BOAS FÉRIAS!

Sem nome.jpg
publicado por linade às 16:20
link do post | comentar | favorito
|

...

Frase 5.gif
publicado por linade às 16:15
link do post | comentar | favorito
|

PENSAMENTO

orquidia09.jpg

"Não tenho medo do amanhã, porque já vi o passado e adoro o dia de hoje"

William Allen White
publicado por linade às 15:39
link do post | comentar | favorito
|
Sexta-feira, 16 de Julho de 2004

ESTAMOS TODOS CONVIDADOS...ONDE ISTO JÁ VAI....AHAHAHAH

pic22070.jpg


SE ESTAS TOMADAS DE POSSE SE TORNAM MODA ESTE PAÍS VAI-SE TORNAR NUM LINDO FARRABADÓ...
publicado por linade às 16:59
link do post | comentar | favorito
|

A FLORESTA É VIDA, VAMOS PROTEGÊ-LA...

bosque.jpg

A formosura desta fresca serra,
E a sombra dos verdes castanheiros,
O manso caminhar destes ribeiros,
Donde toda a tristeza se desterra;

O rouco som do mar, a estranha terra,
O esconder do sol pelos outeiros,
O recolher dos gados derradeiros
Das nuvens pelo ar a branda guerra.

Enfim, tudo o que a rara natureza
Com tanta variedade nos ofrece (1),
Me está, se não te vejo, magoando.

Sem ti, tudo me enoja e me aborrece;
Sem ti, perpetuamente estou passando
Nas mores (2) alegrias mor (2) tristeza.

Luís de Camões
(in Sonetos de Luís de Camões)


publicado por linade às 16:28
link do post | comentar | favorito
|

TENHA UM BOM DIA, PORQUE HOJE É SEXTA!

bomdia8.gif
publicado por linade às 08:11
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 15 de Julho de 2004

ALBERTO CAEIRO - EXAME DE PORTUGUÊS B

porsol.jpg



Num Dia de Verão


Como quem num dia de Verão abre a porta de casa
E espreita para o calor dos campos com a cara toda,
Às vezes, de repente, bate-me a Natureza de chapa
Na cara dos meus sentidos,
E eu fico confuso, perturbado, querendo perceber
Não sei bem como nem o quê...
Mas quem me mandou a mim querer perceber?
Quem me disse que havia que perceber?

Quando o Verão me passa pela cara
A mão leve e quente da sua brisa,
Só tenho que sentir agrado porque é brisa
Ou que sentir desagrado porque é quente,
E de qualquer maneira que eu o sinta,
Assim, porque assim o sinto, é que é meu dever senti-lo...



publicado por linade às 22:09
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 14 de Julho de 2004

AFINAL O QUE É O SEXO?

lingua.jpg


* Segundo o médico é uma doença, porque termina quase sempre na cama.

* Segundo o advogado é uma injustiça, porque sempre há um que fica por baixo.

* Segundo o engenheiro é uma máquina perfeita, porque é a única em que se trabalha deitado.

* Segundo o arquiteto é um erro de projeto, porque a área de lazer fica muito próxima à area de saneamento.

* Segundo o político é um acto de democracia perfeito, porque todos gozam independentemente da posição.

* Segundo o economista é um desajuste, porque entra mais do que sai. Às vezes, nem se sabe o que é activo ou passivo.

* Segundo o contador é um exercício perfeito: põe-se o bruto, faz-se o balanço, tira-se o bruto e fica o líquido. Podendo, na maioria dos casos, ainda gerar dividendos.

* Segundo o matemático é uma perfeita equação, porque a mulher coloca entre parênteses, eleva o membro à sua máxima potência, e extrai-lhe o produto, reduzindo-o à sua mínima expressão.

* Segundo o psicólogo, é "fodido" de explicar...


publicado por linade às 21:57
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|

A VIDA...

orquidia2.jpg


A vida é cheia de términos e novos começos.
A cada curva há algo que nos desafia, seja o novo, formidável, ou simplesmente o familiar.
O que para uns é uma montanha intransponível, para outros um desafio a vencer.
O que se torna sombrio para alguns ainda permanece iluminado para outros.
Os optimistas vêem o caminho à frente, os pessimistas ficam tão ocupados a olhar para trás que não conseguem ver a solução bem diante deles.
Se ficarmos a segurar a corda que nos arrasta para trás não teremos as mãos livres para agarrar a corda que nos puxa para frente.

(Brahma Kumaris)


publicado por linade às 21:43
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Fevereiro 2006

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28


.posts recentes

. HENRY LOUIS MENCKEN - 188...

. BENOITE GROULT

. II Encontro de Weblogs

. Vinicius de Moraes

. Arnaldo Jabor ... Sempre...

. Cerejas com vinagre e açú...

. PENSAMENTOS...

. Rosa Ditosa

. Eugénio de Andrade - Cama...

. As divas do cinema - Por ...

.arquivos

. Fevereiro 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

. Dezembro 2003

blogs SAPO

.subscrever feeds